BloG do Will Portifolio

Conheça o BloG do Will Portifolio e Veja as Melhores Notícias

Importar pode ser uma prática muito benéfica e vantajosa para as empresas. No entanto, é preciso estar ciente de algumas regras específicas do processo para não ter problemas.

O fato é que a importação para empresas deve seguir alguns passos, que vão desde a autorização para importar até a liberação da mercadoria quando chega ao país, o melhor lugar para importar da china hoje é pelo site banggood, nesse site você encontrará várias vantagens e produtos de ótima qualidade.

Então, vamos conhecer esses passos para que a sua empresa possa importar sem problemas:

Legalizando a situação

A primeira coisa a ser feita é garantir que a empresa esteja devidamente legalizada e em condições de realizar o processo de importação. Para isso, o CNPJ da empresa deve contar com a atividade de importação e exportação.

Habilitando-se no SISCOMEX

O SISCOMEX (Sistema Integrado de Comércio Exterior) é o órgão que age controlando o comercio exterior no país e possibilita que haja apenas um fluxo de informações, diminuindo o volume de documentos necessários.

Então, quando a empresa já estiver constituída, basta ir até a Receita Federal e solicitar a habilitação para uso do Siscomex, chamada de habilitação no Radar.

Encontrando fornecedores

Os fornecedores devem estar com seus dados em dia e possuir a capacidade de atender a sua demanda corretamente.

Definindo o NCM

Para conseguir a definição do NCM, a empresa deve pedir aos seus fornecedores uma cotação do produto e as informações de pedido mínimo.

O NCM é feito de 8 dígitos que estarão presentes na Fatura Comercial do pedido.

No site da RF e do Siscomex existem simuladores de tratamento tributário das importações, para que você possa conferir a alíquota dos impostos com o seu NCM.

Tenha uma planilha de custos

Essa etapa permite que o empresário avalie se a sua importação é viável economicamente. Considere o frete, seguro, impostos, Cofins, PIS/Pasep, despesas bancárias, taxas de porto, taxas de armazenagem, ICMS, frete interno e outros.

Licença de Importação (LI)

Dependendo do produto escolhido, pode ser necessário contar com uma Licença de importação, a LI. Para saber se será necessária, é só consultar o site o Siscomex e conferir o Simulador de Tratamento Administrativo de importação.

Lá você ainda pode conferir quais são os órgãos do governo que estão responsáveis pela anuência do seu tipo de importação.

Mais do que isso, a empresa ainda deve conferir se sua importação está de acordo com os artigos 14 e 15 da Portaria Secex nº 23/2011.

Para saber mais sobre importação para empresas, veja nosso vídeo abaixo: